Clash of Clans é violento e deve ser banido

0
328

Quem o diz é o governo de Teerão

O Irã quer banir o jogo de smartphones, Clach of Clans, por achar que este jogo incita à violência entre as tribos do país. Depois de ter banido Pokémon Go, parece que o jogo da Supercell seguirá o mesmo caminho. É pelo menos essa a intenção do governo iraniano.

Segundo a BBC News, o Clach of Clans está sob o olhar atento das autoridades que regulam o ciberespaço no Irã, por considerarem o jogo violento e gerador de divisões entre etnias do país.

A mesma fonte adianta que a intensão de bloquear o jogo partiu de um estudo feito por psicólogos, onde eles alegam os efeitos negativos do jogo sobre a população. Esse estudo parece ter convencido o governo iraniano.

A forma como será feito o bloqueio de Clash of Clans no Irã ainda não é conhecida, mas suspeita-se que este bloqueio seja apenas restringido por idades, não se alargando a toda a população.

Apesar de tudo, não deixa de ser irónico ver um país como o Irã – que nem está envolvido em confrontos com outros países – estar preocupado com um simples jogo de smartphones por este gerar violência.